31 de março de 2012

30.06.2012 - Concurso Sul Info de Minicontos

Informações:
a) Seleção de Contos (Minicontos - limite de 300 caracteres)
b) Inscrição pela internet
c) Publicação em e-book e em livro (5 exemplares para cada autor)

Prazo: 30 de Junho de 2012


Fonte:
http://www.sulinfo.com.br/?op=edital


Organização:
Sul Info Publicações
Rua Tiradentes, 5 | Bairro Independência
Porto Alegre - RS | CEP 90560-030
(54) 8159-6104 | contato@sulinfo.com.br


Regulamento:
1) Apresentação:

A Editora Sul Info Publicações está organizando o Concurso Sul Info de Minicontos – Edição 2012, para autores brasileiros, maiores de 18 anos, residentes no Brasil.

O Concurso tem por objetivo descobrir novos talentos e promover a literatura.

A Editora escolherá uma Comissão Julgadora composta de três (03) profissionais da área cultural, entre escritores e professores universitários, que farão a análise e a classificação dos trabalhos. A comissão é soberana, não cabendo recursos à sua decisão, e resolverá os casos omissos deste regulamento, se houver.

2) Inscrição:

As inscrições gratuitas poderão ser feitas somente pela internet, no site:
http://www.sulinfo.com.br/?op=inscricao

O autor deverá preencher a ficha de inscrição e enviar um único miniconto inédito com até 300 caracteres em língua portuguesa, excluindo-se o título e considerando-se sinais de pontuação e espaços, até 30/06/2012.
Os trabalhos não podem ter sido publicados em nenhum tipo de meio impresso ou virtual, tampouco premiados em outros concursos anteriormente.

Observação: Inscrições enviadas com dados incompletos serão automaticamente desclassificadas.


3) Premiação

Serão selecionados 80 (oitenta) trabalhos pela Comissão Julgadora para serem publicados em um livro e também em e-book pela Editora Sul Info. Os autores receberão certificado da Editora.

A título de Direito Autoral, cada autor dos trabalhos selecionados receberá 5 (cinco) exemplares, o restante ficará com a editora que poderá ser doado ou comercializado. A publicação será em ordem alfabética, por nome de autor, conforme material entregue.

4) Cronograma

Inscrições: até 30/06/2012
Divulgação do resultado: 31/07/2012 no site www.sulinfo.com.br
Lançamento do livro e do e-book: em sessão de autógrafos na Feira do Livro de Porto Alegre 2012, com data a ser definida.

5) Disposições finais

É vetada a participação de pessoas ligadas à Editora Sul Info Publicações direta ou indiretamente, de seus parentes em até segundo grau, bem como de todos os envolvidos no processo de julgamento do concurso.

Ao fazer a inscrição, o Autor estará concordando com as regras do concurso, inclusive autorizando a publicação da obra em e-book e em material impresso editado pela Editora Sul Info Publicações e responderá por plágio, cópia indevida e demais crimes previstos na Lei do Direito Autoral.

29 de março de 2012

Lembrete - Concurso do Mês

O resumo dos concursos de Abril está no ar:

Organize-se desde já para não perder os prazos!

Notícias - Isabel Allende recebe o Prêmio Andersen na Dinamarca

A escritora chileno-americana Isabel Allende recebeu o Prêmio Hans Christian Andersen "por suas qualidades como narradora mágica e seu dom para cativar os leitores", anunciou nesta quarta-feira a cidade dinamarquesa de Odense.

Autora de 19 obras em espanhol traduzidas para 35 idiomas e editadas em 57 milhões de exemplares, Allende receberá o prêmio de 67.260 euros em setembro em Odense, cidade natal do famoso contista dinamarquês.

Isabel Allende é a terceira pessoa a receber o prêmio literário, depois do brasileiro Paulo Coelho e da britânica J.K. Rowling.


Fonte:

Resultado - X Concurso Municipal de Conto 'Prêmio Prefeitura de Niterói'


Categoria Infanto-Juvenil
Menção Honrosa
O menino, o senhor e Itaipu
Autora: Leticia Rodrigues Ricrado
Papaizinho querido
Autor: Giuseppe de Lucca Ferreira D’Avila Pereira
Sobre o que não falamos
Amanda Marchi Casales Gerin



Categoria Adulto

1° lugar: Fado
Autor: Angelo Pessoa Martins

2° lugar: Ao cantar dos grilos
Autora: Maria Apparecida S. Coquemala

3° lugar: O gramado
Autora: Tatiana Angèle de Carvalho

Menção Honrosa

Augusto e Juvenal
Autor: Alexandre Duran Carneiro

Dos Vermelhos
Autora: Angela Togeiro

Foi em uma livraria em Icaraí
Autora: Agatha Lopes Tommasi Oliveira

Lírios, muros e animais
Autor: Edelson Rodrigues Nascimento

Meu nome
Autor: Benito Petraglia

O professor
Autor: Gilberto Garcia da Silva

Rins ao molho madeira
Autora: Danieli Moreia

Jurados:

Profª e escritora: Gracinda Rosa da Costa
Profª e escritora: Lena Jesus Pontes
Escritor: Wanderlino Texeira Leite Netto



Fonte:
http://www.culturaniteroi.com.br/v3/index.php/noticias/resultado

28 de março de 2012

Notícias - Ondjaki vence Prémio Bissaya Barreto de Literatura para a Infância


O escritor angolano Ondjaki venceu a terceira edição do Prémio Bissaya Barreto de Literatura para a Infância com o livro A Bicicleta que Tinha Bigodes.

Editado pela Caminho em 2011, A Bicicleta que Tinha Bigodes é um livro para a juventude com “uma riqueza do discurso que preserva marcas oralizantes e identitárias e permite aos leitores reconhecer a diversidade de registos na língua portuguesa”, declarou o júri, constituído por Isabel Alçada, Rui Veloso e Lúcia Santos.

O Prémio Bissaya Barreto de Literatura para a Infância, de caráter bienal, foi criado em 2008, com um valor de cinco mil euros, para valorizar e promover não só a "literatura de qualidade destinada à infância", mas também a "dimensão estética" do livro nesta área.


Fonte:
http://bisleya.blogs.sapo.pt/220908.html

Notícias - Obra sobre ditadura argentina recebe premiação na Espanha

Com obra sobre ditadura argentina, Leopoldo Brizuela vence prêmio literário da Espanha


O escritor argentino Leopoldo Brizuela foi definido na segunda-feira (26 de março) como o vencedor do Prêmio Alfaguara de Novela 2012 com sua obra "Una Misma Noche", uma reflexão sobre a ditadura na Argentina - um dos períodos mais terríveis da história recente desse país.

Além de oferecer a quantia de US$ 175 mil ao vencedor, o Prêmio Alfaguara de Novela é considerado um dos mais importantes no âmbito hispânico. Nesta edição de 2012, a decisão do júri, presidido pela escritora Rosa Montero, encontrou certa dificuldade para definir o premiado, porém, a decisão foi unânime.

Formado por Montxo Armendáriz, Lluís Morral, Jürgen Dormagen, Antonio Orejudo e Pilar Reyes, o júri destacou e enalteceu "o estilo admirável do autor, que, com uma economia expressiva, consegue criar um texto perturbador, hipnótico e que indaga a essência do mal e a co-responsabilidade de cada um sobre a violência e injustiça".

Através de uma mensagem por vídeo, o ganhador afirmou estar "muito feliz" por ter recebido este prêmio e ressaltou que há muito tempo queria escrever sobre este tema, já que o assunto ainda é muito presente entre as pessoas de seu país.

Em seu premiado livro, Leopoldo Brizuela recorre à figura de um escritor, Leonardo Diego Bazán, para indagar os anos da ditadura argentina e tratar de exorcizar o sucedido naqueles anos de terror.

O protagonista retorna à casa de seus pais para cuidar de sua mãe viúva e um dia vê as forças da ordem assaltando a casa de seus vizinhos. O incidente faz lembrar que, em 1976, quando ele tinha 13 anos, essa mesma casa sofreu outro ataque. Nessa ocasião, a Argentina "estava imersa no terror da Junta Militar", segundo a sinopse fornecida pelo Alfaguara.

Aquele fato deixou uma marca fixa na memória de Leonardo, principalmente pelo fato de seu pai ter participado de tudo aquilo. Para resgatar esse passado que tanto queria esquecer, o protagonista decide escrever um romance para dar voz às vítimas e aos carrascos.

Leopoldo Brizuela é autor, entre outras obras, de "Tejiendo Água" (Premio Fortabat 1985), "Inglaterra. Una fábula (Prêmio Clarín, 1999, e Prêmio Municipal de Buenos Aires), "El Placer de la Cautiva", "Los Que llegamos más Lejos" e "Lisboa. Un melodrama".

A 15º edição do Prêmio Alfaguara contou com mais de 785 manuscritos originais, a maior participação na história do prêmio. O maior número de originais vieram da Espanha (307), seguido de Argentina (143), México (108), Colômbia (47), Estados Unidos (31), Chile e Equador, ambos com 25.


Fonte:

31.05.2012 - Prémio Literário Karingana Wa Karingana (Moçambique)

Informações:
a) Concurso de contos, novelas ou conjunto de contos
b) Destinado a todos os jovens moçambicanos que terminaram a 12ª classe em 2010 ou 2011

Premiação:
I) Bolsa de estudos para Licenciatura por 3 anos na Universidade do Minho em Portugal; II) Edição conjunta das 3 (três) melhores obras a concurso e de um conto escrito por Mia Couto

Prazo: 31 de Maio 2012




Fonte: 
https://www.facebook.com/notes/karingana-wa-karingana/pr%C3%A9mio-liter%C3%A1rio-karingana-wa-karingana-universidade-do-minho/283090548406878 



Organização:
Karingana Wa Karingana Associação e Universidade do Minho. 
Informações: premio@karinganawakaringana.org



Regulamento:
Artigo 1º
(Promotores)
A KARINGANA WA KARINGANA Associação, com sede em Lisboa, e a UNIVERSIDADE DO MINHO, com sede em Braga, com o apoio do Ministério da Educação de Moçambique e da Fundação Carlos Lloyd Braga, promovem o “Prémio Literário Karingana Wa Karingana - Universidade do Minho”.

Artigo 2º
(Objectivo)
O “Prémio Literário Karingana Wa Karingana - Universidade do Minho”, tem por objectivo incentivar a escrita criativa em língua portuguesa em Moçambique e destina-se a galardoar uma obra inédita sob a forma de conto, de novela ou de um conjunto de contos.

Artigo 3º
(Candidatos)
Podem candidatar-se ao Prémio os estudantes nacionais finalistas da 12ª Classe do Ensino Pré Universitário nos anos 2010 e 2011, e que comprovadamente tenham frequentado este ciclo de estudos em Moçambique.

Artigo 4º
(Publicitação)
O Prémio será publicitado e divulgado pelo Ministério da Educação de Moçambique, junto de todas as Escolas Secundárias de Moçambique, pelos meios que tiver por convenientes, até final de Novembro de 2011.

Artigo 5º
(Valor do prémio)
O prémio a atribuir será constituído por:
a) Uma bolsa de estudos para a realização de estudos de licenciatura em Portugal, na Universidade do Minho, por um período de 3 (três) anos;
b) A edição conjunta das 3 (três) melhores obras a concurso e de um conto escrito por Mia Couto.

Artigo 6º
(Objecto)
1) Cada concorrente elaborará o seu texto tendo como linhas iniciais as escritas por Mia Couto tal como transcrito no ponto 3) deste artigo;
2) A obra terá de ser individual, original e redigida em português, podendo conter expressões em outras línguas (devidamente explicadas em glossário);
3) Texto de Mia Couto em itálico e entre aspas:
O livro que fechou a menina
Marília fechou o livro escolar como quem encerra as duas partes do mundo. As mãos pequenas alisaram a capa com tristeza de despedida. A menina sabia que, junto com o livro, se cerravam as portas do tempo.
- Mas, pai, não dá para prosseguir mais um ano?
- Está a ver o que dá a escola? Agora, já pensa que tem escolha…
- Mas o professor pediu…
O pai ergueu a mão como se as palavras não bastassem para exprimir a sua indignação. O que mão dele dizia era simples: Marília que ficasse calada, no lugar de silêncio que lhe competia. Depois, ainda azedou:
- Esse professor pediu para falar comigo? Que abusos são esses, o que quer este homem da minha filha?
- Ele não quer de mim, ele quer de si, pai. O professor acha que eu devia continuar os estudos. Quer pedir que o senhor não me mande interromper a escola.
- Pois esse professor vai ver. Vou denunciá-lo na administração. E você é muito burra, não vê as intenções que este homem tem consigo?
Marília contemplou o livro pousada na mesa. E de repente, lhe pareceu que as mãos do livro é que a tinham fechado a ela. Para sempre.

Artigo 7º
(Características da obra)
a) Os textos deverão ser apresentados por escrito, sob pseudónimo, deverão ter um mínimo de 30 folhas e um máximo de 60 folhas formato A4 (210 x 297mm), apenas frente, espaço 1 ½ entrelinhas e letra Times New Roman, tamanho 12;
b) Deverão ser enviados 6 (seis) exemplares em papel, assim como uma cópia em suporte electrónico (que poderá ser enviada via correio electrónico, protegida contra alteração.

Artigo 8º
(Processo de envio)
Forma de apresentação:
a) As obras a concurso – trabalho dactilografado – devem ser encerradas em envelope opaco e fechado, no rosto do qual deve ser escrita a palavra «Obra»;
b) Em envelope com as características indicadas na alínea anterior, no rosto do qual deve constar a identificação, morada e pseudónimo do concorrente, devem ser incluídos documentos que contenham os seguintes elementos:
  1. Fotocópia do Bilhete de Identidade;
  2. Indicação de morada, nº. de telefone e e-mail;
  3. Indicação do Estabelecimento de Ensino e número de aluno;
  4. Declaração de renúncia a qualquer pagamento a título de direitos de autor, no caso de a obra vir a ser publicada pela “Karingana Wa Karingana” ou por a quem esta ceda os direitos de publicação;
c) No caso de se tratar de concorrente menor é obrigatória a apresentação de uma declaração assinada pelos pais ou por quem detenha a tutela do participante, autorizando a sua participação no concurso e expressando o seu acordo com o presente regulamento. Esta declaração deverá ser acompanhada por cópia bem legível dos pais ou tutor(es) do participante;
d) Os envelopes a que se referem as alíneas anteriores são encerrados num terceiro, igualmente opaco e fechado, que se denominará «Invólucro exterior», para ser remetido sob registo ou entregue pessoalmente, contra recibo.
e) Os trabalhos deverão ser enviados, até 31 de Maio de 2012 (inclusive) – a comprovar pela data no carimbo do correio e/ou do correio electrónico – para:
  1. ”Prémio Literário Karingana Wa Karingana – Universidade do Minho” Rua Patrice Lumbumba nº 899, Maputo, Moçambique
  2. e em suporte digital, para: premio@karinganawakaringana.org
f) Os exemplares dos trabalhos apresentados não serão devolvidos aos concorrentes.
g) Serão excluídos todos os trabalhos que não respeitem as disposições deste regulamento.

Artigo 9º
(Composição do Júri)
A atribuição do Prémio será decidida por um Júri composto por:
a) Presidente do Júri – Mia Couto.
b) Representante da Karingana Wa Karingana Associação.
c) Representante da Universidade do Minho.
d) Representante da Sociedade de Língua Portuguesa.
e) Três personalidades Moçambicanas a designar pelos promotores.
Existirá um Júri de Selecção, caso o número de trabalhos apresentados o justifique, que será indicado pelos promotores do prémio referidos no artigo 1º.

Artigo 10º
(Deliberação do Júri)
O Prémio será atribuído por unanimidade ou, em caso de impossibilidade, por maioria de votos; O Júri poderá não atribuir o Prémio, caso entenda que nenhuma das obras a concurso o justifica. A decisão do Júri é definitiva e, da mesma, não haverá recurso.

Artigo 11º
(Divulgação do premiado)
O resultado do concurso será anunciado pelo Júri na primeira quinzena de Setembro de 2012. A entrega solene do “Prémio Literário Karingana Wa Karingana – Universidade do Minho” ocorrerá na Universidade do Minho no dia 17 de Novembro de 2012 (dia mundial do estudante).

Artigo 12º
(Direitos de Autor)
a) Os participantes no concurso cedem os direitos de autor das obras a concurso, para todo o Mundo, à “Karingana Wa Karingana Associação” ou a quem esta os ceda, comprometendo-se o autor, ou os seus representantes legais, a assinar contratos de edição, de acordo com legislação de propriedade intelectual, bem como os demais documentos que se revelem necessários para esse fim. No caso de publicação, a obra deve indicar “Prémio Literário Karingana Wa Karingana - Universidade do Minho”.
b) Os vencedores autorizam expressamente a utilização do seu nome e da sua imagem, com fins publicitários, em quaisquer actos de apresentação e/ou material de promoção, que os promotores considerem pertinentes com vista à difusão do Prémio.

Artigo 13º
(Disposições Finais)
A participação neste concurso implica, de forma automática, a aceitação plena dos presentes termos deste regulamento.

27 de março de 2012

31.05.2012 - XIII Concurso de Poesia Agostinho Gomes (Oliveira de Azeméis, Portugal)

Informações:
a) Concurso de poesia
b) Inscrição por correio ou internet
c) Até 2 poesias inéditas por concorrente
d) Categorias Juvenil e Adulto

Premiação:
I) Adulto - 1º lugar: 500 euros; 2º lugar: 250 euros; e 3º lugar: 150 euros II) Prêmio 'Revelação Juvenil': 125 euros III) Todos os participantes com inscrição validada receberão diplomas

Prazo: 31 de Maio de 2012

Fonte:

Organização:
Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis (Portugal), através da Biblioteca Municipal Ferreira de Castro
Telefone: 256 607 177 / Fax: 256 607 178 / E-mail: biblioteca@cm-oaz.pt

Regulamento (indisponível para cópia):

26 de março de 2012

30.04.2012 - I Concurso de Contos do Grupo Coesão Poética - Machado de Assis

Informações:
a) Concurso de contos
b) Inscrição por e-mail

Premiação:
I) Troféus para os 3 primeiros colocados e a menção honrosa

Prazo: 30 de Abril de 2012


Fonte:


Organização:
Grupo Coesão Poética, CNPJ - 09.341.085/0001-46, Sorocaba/SP


Regulamento:
O Grupo Coesão Poética, CNPJ - 09.341.085/0001-46, com sede nesta cidade de Sorocaba, Estado de São Paulo, visando incentivar escritores, experientes ou não, ao prazer da escrita e também da leitura, resolve instituir o I CONCURSO DE CONTOS “MACHADO DE ASSIS”, cujas normas para participação seguem abaixo.

01. O concurso destina-se a todos os interessados, com a idade mínima de 18 anos, sendo brasileiro ou não. Não caso de candidatos estrangeiros, será exigido apenas que a obra apresentada seja escrita em língua portuguesa.

02. As inscrições estarão abertas até o dia 30 de abril de 2012. Quaisquer dúvidas poderão ser dirimidas através do nosso e-mail coesaopoetica2011@gmail.com.

03. Os trabalhos, com tema livre, deverão ser inéditos, não tendo, portanto, sido premiados em outros concursos nem publicados em livros do próprio autor, coletâneas, jornais, sites da internet e revistas.

04. Cada candidato poderá apresentar até 3 (três) trabalhos.

05. Os trabalhos deverão ser digitados em língua portuguesa, com fonte Arial, corpo 12 e espaçamento entrelinhas de 1,5, com um total máximo de 3 (três) laudas.

06. Os trabalhos deverão ser enviados, como anexos, para o e-mail coesãopoetica2011@gmail.com e assinados apenas com pseudônimo. Em anexo à parte, o candidato deverá registrar seu nome completo, seu pseudônimo, número do RG, grau de instrução, endereço completo e número de telefone para contato.

07. A comissão julgadora será formada por 3 (três) pessoas ligadas ao mundo das letras, idôneas e de reconhecido valor intelectual. A decisão da comissão julgadora será soberana, não cabendo recurso quanto ao que for por ela decidido.

08. Serão sumariamente eliminados quaisquer trabalhos em que a comissão julgadora perceber sinais de plágio.

09. Aos três primeiros colocados e ao que for premiado com menção honrosa serão outorgados prêmios constituídos de trofeus confeccionados pela poetisa e artista plástica Ana Maria Duarte.

10. As eliminatórias, em número de 3 (três) ocorrerão nos dias 12, 19 e 26 do mês de maio, 2012, na Oficina Cultural Grande Otelo, à Praça Frei Baraúna, s/n, nesta cidade de Sorocaba, sempre às 15:00h.

11. Nas duas primeiras eliminatórias serão classificados 6 (seis) contos em cada uma, totalizando 12 (doze) trabalhos que participarão da etapa final.

12. Serão lidos apenas 3 (três) trabalhos do montante classificado em cada eliminatória, mediante sorteio, uma vez que não será possível ler todos os trabalhos numa única tarde.

13. Todos os contatos necessários, referentes a este concurso, serão efetuados através de correio eletrônico, conforme endereço acima citado.

14. Os casos omissos serão analisados e decididos pelo corpo de jurados do presente concurso.

Resultado - Prémio Literário Aldónio Gomes (Portugal)

Armando Nascimento Rosa conquista Prémio Literário Aldónio Gomes

O Prémio Literário Aldónio Gomes 2012, promovido pela Universidade de Aveiro (UA), através do Departamento de Línguas e Culturas, foi atribuído à obra "Duas peças com História(s)", que engloba duas peças de teatro do dramaturgo Armando Nascimento Rosa, na categoria Teatro. Ao Prémio concorreram 196 trabalhos.

O júri, presidido por Carlos Morais, Professor do Departamento de Línguas e Culturas da UA, recebeu 196 originais, oriundos de Portugal, Brasil, Moçambique. Vinte e um originais foram relativos à categoria Romance, seis à categoria Ensaio, 79 à de Conto, 76 à de Poesia e 14 à de Teatro.

O autor de "Duas peças com História(s)", texto escolhido por unanimidade pelo júri do Prémio, é um dos dramaturgos portugueses vivos mais representados, desde a sua estreia cénica no Centro Cultural de Belém, com "Lianor no país sem pilhas", encenada por João Mota, obra distinguida com o Prémio Revelação Ribeiro da Fonte, em 2000. De entre as peças encenadas e/ou publicadas de Armando Nascimento Rosa, contam-se títulos como: "Antígona gelada" (2008); "Cabaré de Ofélia" (2007); "O eunuco de Inês de Castro" (2006); "Maria de Magdala" (2005); "O túnel dos ratos" (2004); "Um Édipo" (2003); "Audição – com Daisy ao vivo no Odre Marítimo" (2002); e "Espera Apócrifa" (2000). Várias peças suas estão traduzidas e publicadas em livro em inglês e em castelhano e foram alvo de encenação e/ou leitura encenada em Madrid, Londres, Nova Iorque, e Zurique. Armando Nascimento Rosa nasceu em Évora, em 1966.


Mais informações:

25 de março de 2012

15.06.2012 - Concurso Internacional de Microcontos 'Conto Minguante'- Quaderni Ibero Americani

Informações:
a) Concurso de microcontos (entre 5 e 40 linhas)
b) Voltado aos jovens entre 10 e 33 anos
c) Tema relacionado a cultura e a viagem
d) Inscrição por e-mail

Premiação:
I) 1º lugar: 300 euros; 2º lugar: 200 euros; e 3º lugar: 100 euros II) Publicação dos melhores textos na revista Quaderni Ibero Americani

Prazo: 15 de Junho de 2012

Fonte:


Organização:
Revista Quaderni Ibero Americani
E-mail: qia@libero.it / microcontosqiapor@gmail.com


Regulamento:
1. PRÊMIOS:
Primeiro prêmio - 300 euros
Segundo prêmio - 200 euros
Terceiro prêmio - 100 euros
Os melhores textos serão publicados na revista Quaderni Ibero Americani
(email: qia@libero.it)
Todos os microcontos serão publicados no blog do concurso: http://microcontosqiapor.blogspot.com/

2. PARTICIPANTES:
Por ser um concurso internacional, poderão participar todos os jovens (entre 10 e 33 anos) de qualquer nacionalidade, desde que escrevam em português (como língua materna ou estrangeira).

3. CARACTERÍSTICAS DOS TEXTOS:
O tema abordado poderá ter qualquer aspecto relacionado à Cultura e à Viagem.
Para maiores informações, entrar em contato pelo e-mail: microcontosqiapor@gmail.com.
A narrativa inscrita deverá ser original e inédita e não poderá ter sido premiada em nenhum outro concurso.
Os textos devem ser enviados em arquivos, nos formatos pdf ou doc.
Os textos não poderão ter mais de 40 ou menos de 5 linhas.
Cada participante do concurso poderá enviar, no máximo, três textos.

4. PRAZO E MODO DE ENTREGA:
Os textos devem ser enviados para o e-mail da direção: microcontosqiapor@gmail.com.
Devem ser entregues dois anexos: o primeiro conterá o microconto, com um título e um pseudônimo; o segundo, os dados pessoais do autor (nome e sobrenome, endereço, data de nascimento, nacionalidade, e-mail e telefone para contato), incluindo também o título da obra enviada.
Caso o candidato queira enviar mais de um microconto, deverá fazê-lo em e-mails separados, lembrando que poderão ser enviados até três microcontos(divididos em três e-mails, com dois anexos cada).
A data final para a entrega dos microcontos é 15 de junho de 2012, até a meia-noite.

5. RESULTADO DO CONCURSO:
O resultado do concurso será divulgado no dia 30 de julho de 2012.

15.05.2012 - Concurso Literário Padre João Maia 2012 'Vila de Rei: rostos e olhares'

Informações:
a) Concurso nas modalidades prosa e poesia
b) Apenas para cidadãos portugueses sem livros publicados
c) Apenas 1 trabalho por candidato, sob o tema: “Vila de Rei: rostos e olhares”

Premiação:
I) Cheque-prenda no valor de € 75,00 para o autor de cada trabalho premiado

Prazo: 15 de Maio de 2012


Fonte:
http://www.biblioteca.cm-viladerei.pt/public/files/Normas_2012(1).pdf


Organização:
Câmara Municipal de Vila de Rei (Portugal) / Centro de Estudos Padre João Maia
Biblioteca Municipal José Cardoso Pires
Telefone: 351 274 890 000
E-Mail: biblioteca@cm-viladerei.pt


Regulamento:
Art.º 1.º - Âmbito
Este concurso destina-se a promover a produção literária, estimulando o envolvimento da população, através da realização de textos em prosa ou em poesia.

Art.º 2.º - Objectivos
São objectivos deste concurso:
a) Incentivar a criação literária;
b) Promover a escrita criativa;
c) Criar hábitos de leitura e de escrita na população.

Art.º 3.º - Entidade promotora
A entidade promotora é a Câmara Municipal de Vila de Rei. O concurso será dinamizado pelo Centro de Estudos Padre João Maia.

Art.º 4.º - Destinatários
O concurso destina-se a qualquer pessoa de nacionalidade portuguesa, que não tenha nenhum livro publicado na área da literatura.

Art.º 5.º - O trabalho
1. Cada participante pode apresentar apenas um trabalho;
2. O mote do trabalho a apresentar deverá ser “Vila de Rei: rostos e olhares”, sob qualquer perspectiva ou interpretação do autor alusivo ao concelho de Vila de Rei;
3. Os participantes podem constituir-se por grupos;
4. O texto não deverá ultrapassar as 10 páginas A4 (incluindo ilustrações), com margens de 2,5 centímetros, espaçamento 1,5 entre as linhas, com letra Times New Roman, tamanho 12;
5. As ilustrações utilizadas deverão ser acompanhadas de informação sobre a sua fonte.

Art.º 6.º - Entrega dos trabalhos
1. Os trabalhos deverão ser entregues até às 18:00 horas do dia 15 de Maio de 2012, do edifício Biblioteca Municipal José Cardoso Pires, ou por correio para: Biblioteca Municipal José Cardoso Pires – Rua da Biblioteca - 6110/174 Vila de Rei;
2. Os trabalhos enviados por correio devem ser registados e com aviso de recepção. Será entregue uma declaração comprovativa, a quem entregar os trabalhos pessoalmente, na Biblioteca Municipal;
3. Não serão aceites trabalhos cuja data do carimbo dos correios seja posterior à data limite;
4. Os trabalhos deverão, obrigatoriamente, ser entregues num envelope, contendo no seu interior outros dois envelopes: num deles deve constar o trabalho original em formato papel não encadernado, e no outro (devidamente fechado) deve constar uma disquete ou um CD (identificado com o pseudónimo e ano de nascimento) contendo um documento com o texto e outro documento separado onde conste as indicações do autor, nomeadamente: nome, morada, número contribuinte, contacto telefónico, pseudónimo, género literário do trabalho, e-mail (se tiver) e ano de nascimento. No exterior de todos os envelopes, deverá constar apenas o pseudónimo e o ano de nascimento do autor.

Art.º 7.º - Critérios de apreciação
1. Todos os textos apresentados têm de fazer alusão a “Vila de Rei: rostos e olhares”, ficando o mesmo ao critério do autor, sendo apreciados de acordo com o seguinte:
a) Criatividade;
b) Qualidade literária;
c) Organização;
d) Coerência e coesão do texto.
2. Só serão aceites textos a concurso em Língua Portuguesa, que nunca tenham sido editados;
3. A Câmara Municipal de Vila de Rei reserva o direito da reprodução dos trabalhos apresentados a concurso, mencionando sempre o seu autor.

Art.º 8.º - Júri
1. Compete à Câmara Municipal nomear o júri composto por três elementos, sendo o presidente do júri, um representante da autarquia;
2. Caberá ao júri decidir sobre os casos omissos nestas normas de concurso.

Art.º 9.º - Prémios
1. Será premiado o melhor trabalho em prosa e o melhor trabalho em poesia;
2. Ao autor de cada trabalho premiado será atribuído um cheque-prenda no valor de € 75,00 (setenta e cinco euros);
3. O júri reserva-se ao direito de nomear Menções Honrosas;
4. Os trabalhos premiados serão publicados, em suplemento, do Boletim Informativo da Câmara Municipal de Vila de Rei.

24 de março de 2012

30.05.2012 - III Concurso Literário da Academia Taubateana de Letras

Informações:
a) Concurso de Poesias
b) Tema: Emília (personagem de Monteiro Lobato)

Premiação:
I) 03 primeiros lugares: R$200,00

Prazo: Os trabalhos enviados pelos correios devem ser entregues na Academia Taubateana de Letras até o dia 30 de Maio de 2012


Fonte:
http://lij-pe.blogspot.com.br/2012/03/la-vem-emilia-concurso-de-poesias.html


Organização:
Academia Taubateana de Letras
Telefone: (12) 3621-3251


Regulamento:
O Concurso é destinado às pessoas maiores de 18 anos, excluídas as que forem membros da Academia Taubateana de Letras, qualificadas como membros titulares, honorários, correspondentes e beneméritos.

O Tema a ser abordado é EMÍLIA (personagem da obra infantil de Monteiro Lobato).

MODALIDADE: POESIA ( soneto, poesia clássica ou poesia livre).

Apenas UM TRABALHO por autor.

O texto não deverá ultrapassar 30 linhas e ser apresentado em 03 vias, papel A4, digitado em ARIAL, corpo 12, espaço simples.

Colocar, no alto da página: o tema, o gênero de poesia escolhido e o pseudônimo do autor.

O trabalho deve ser INÉDITO.

Colocar, no mesmo envelope de remessa do trabalho, um envelope menor, contendo uma pequena folha de identificação, com os seguintes dados: nome e endereço completos do autor, ( não esquecer do CEP ), RG, pseudônimo, telefone para contato, e-mail (se tiver) e assinatura. Na face externa do envelope, escrever o pseudônimo e o gênero da poesia. Colar as abas deste envelope.

Enviar o trabalho pelo Correio, endereçando assim: III Concurso Literário Externo “Acadêmica Judith Mazella de Moura” – A/C de Angelica Villela Santos- Rua Francisco Xavier de Assis, 36-Jardim Morumbi-Taubaté-SP-12060-460. Como remetente, colocar: Emilia de Lobato e o mesmo endereço de remessa. Os concorrentes não podem ser identificados externamente.

Só receberemos trabalhos enviados pelo Correio e chegados ao destino até o dia 30/05/2012. ( exceto em caso de alguma eventualidade, como por exemplo, greve dos Correios).

A Comissão Julgadora será composta por Acadêmicos da Academia Taubateana de Letras.

Os trabalhos que não estiverem de acordo com as especificações deste Regulamento, não serão considerados.

As decisões da Comissão Julgadora serão soberanas e irrecorríveis.

Os autores premiados serão avisados por carta ou e-mail, contendo também a data, o local e o horário da sessão de premiação.

Premiação: os 03 primeiros lugares receberão R$ 200,00. As 03 primeiras Menções Honrosas receberão Diplomas.


Taubaté, 01 de março de 2012
José Paulo Pereira – Presidente da ATL

Em caso de dúvidas, ligar para: (12) 3621-3251

23 de março de 2012

25.05.2012 - Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís (Portugal)

Informações:
a) Concurso de Livros Inéditos (Romances)
b) Voltado a autores portugueses sem obras publicadas e com idade inferior a 35 anos

Premiação:
I) € 25.000

Prazo: 25 de Maio de 2012


Fonte:
http://bit.ly/regulamento-agustinabessa


Organização:
Estoril-Sol
Tel: 21 466 78 20/78 98 | Fax: 21 466 79 90
gabimprensa.cestoril@estoril-sol.com


Regulamento:
1. O Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís, instituído pela EstorilSol em homenagem à grande escritora, destina-se a distinguir, anualmente, um romance inédito de autor português sem qualquer obra publicada no género e com idade não superior a 35 anos, completados até 31 de
Dezembro do ano da atribuição. O Prémio tem o valor de 25.000 Euros.

2. Do original deverão ser enviadas, pelo correio, duas cópias impressas a dois espaços, em folhas A4,em computador e acompanhadas de CD, para Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís – Assessoria de Comunicação da Estoril-Sol – Gabinete de Imprensa – Casino Estoril – Av. Dr. Stanley Ho, 2765-190 Estoril, ou entregues neste local.
A Estoril-Sol ficará autorizada a imprimir e distribuir cópias aos membros do Júri.

3. Cada autor será identificado por pseudónimo, devendo, obrigatoriamente, juntar carta fechada com a sua identidade própria e contactos, além de fotocópia do Bilhete de Identidade.

4. O concurso relativo à quinta edição do Prémio estará aberto até 25 de Maio de 2012.

5. A Empresa promotora não devolverá aos concorrentes as cópias e CD’s que lhe forem remetidas.

6. Cabe à Estoril-Sol nomear o Júri que apreciará os originais em presença, presidido pelo escritor e ensaísta Vasco Graça Moura e composto por mais sete personalidades de mérito reconhecido, indicadas por APC – Associação Portuguesa de Escritores, Direcção Geral do Livro e das Bibliotecas, AICL – Associação Internacional de Críticos Literários, Centro Nacional de Cultura, além de representantes da Empresa promotora e dois convidados designados a título individual.

7. O Júri será anunciado anualmente, suprindo-se a impossibilidade de qualquer dos seus membros, quando ocorra, de acordo com os protocolos existentes com as instituições referenciadas, ou encontrando substitutos devidamente credenciados.

8. O Júri decidirá, por maioria simples, lavrando uma acta circunstanciada dos seus trabalhos, e poderá, se assim o entender, não atribuir o Prémio.

9. Não haverá lugar, em caso algum, a prémios ex-aequo.

10. O romance que obtiver o Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís será publicado, com esta menção, em destaque, pela “Gradiva”, conforme o Protocolo existente com a Estoril-Sol e com a qual assinará o autor, nos termos usuais, um contrato de edição.

11. A cerimónia pública de entrega do Prémio terá lugar no Casino Estoril, em data e segundo critérios a definir oportunamente.

Contactos: Tel: 21 466 78 20/78 98
Fax: 21 466 79 90
e-mail: gabimprensa.casinoestoril@estoril-sol.com

04.05.2012 - III Concurso Literário de Maracajá - SC

Informações:
a) Concurso de Contos, Dissertações e Poesias
b) Tema: "Maracajá, 45 anos de emancipação político-administrativa"
c) Categorias: 3º a 5º Ano / 6ª a 8ª Série / Ensino Médio / Comunidade / Educação Especial
d) Voltado apenas para residentes em Maracajá - SC

Prazo: 04 de Maio de 2012


Fonte:
http://www.maracaja.sc.gov.br/conteudo/?item=5992&fa=1&cd=131433#


Organização:
Prefeitura Municipal de Maracajá - SC
Departamento de Educação, Cultura e Esportes
Av. Getúlio Vargas, 530 - Centro
Telefone: (48) 3523 1111


Regulamento:
REGULAMENTO

1.Tema:
“MARACAJÁ, 45 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICO-ADMINISTRATIVA”
Apresentação de aspectos históricos, geográficos, sociais, políticos,
econômicos e culturais do município.

2. Objetivos:
Incentivar a produção literária escolar a fim de contribuir para a formação da intelectualidade.
Estimular a apropriação e a valorização da história e das heranças culturais do município.

3. Participação:
Podem participar do III Concurso Literário, a comunidade em geral e alunos regularmente matriculados nas escolas das redes municipal e estadual de ensino nos cursos: Ensino Fundamental (3ºano a 8ª série) e Ensino Médio (Regular e Supletivo), conforme as categorias:

Categoria I: Ensino Fundamental – 3º a 5º ano
Categoria II: Ensino Fundamental– 6ª a 8ª série (Regular e Supletivo).
Categoria III: Ensino Médio (Regular e Supletivo)
Categoria IV: Comunidade em Geral.
Categoria V: Escola de Educação Especial (Produção textual ou desenho)

4. Produção literária:

a. Serão aceitos os seguintes gêneros textuais: Poesia, Dissertação e Conto.

b. Cada aluno (a) poderá concorrer com apenas uma produção, em uma lauda (no máximo trinta linhas).

c. As produções textuais serão avaliadas quanto à originalidade, criatividade, coesão e coerência temática;

d. As produções textuais poderão ser entregues manuscritas, porém devidamente corrigidas e legíveis.

d. Os trabalhos deverão ser entregues no Departamento de Educação, Cultura e Esportes de Segunda a Sexta-Feira, das 08:00h às 17:00h, até dia 04 de maio de 2012.
Telefone para informações: 3523 0382.

5. Avaliação:
Cada escola será responsável pela ampla divulgação do tema, pela orientação e preparação dos alunos, pela avaliação inicial, orientação e seleção das poesias, devendo encaminhá-las à Comissão Julgadora.

6. Julgamento:
O Coordenador da Comissão de Julgamento será o Diretor do Departamento de Educação, Cultura e Esportes. O Juri elegerá entre todos os trabalhos inscritos, o melhor de cada categoria, por escola considerando: criatividade, originalidade, coesão e coerência temática.

7. Prazos e Cronograma:
- Dia 19 de março de 2012 - Lançamento do concurso.
- Dia 20 de março de 2012 - Início da divulgação do concurso junto às escolas.
- Dia 04 de maio de 2011 (até 17h) – Entrega dos trabalhos no Departamento de Educação, Cultura e Esportes.
- Dias 7,8 e 9 de maio de 2012- Julgamento.
- Dia 10 de maio de 2012 - Premiação.

8. Premiação:

Será premiada uma produção textual para cada categoria por escola participante do concurso.

Categoria I - Ensino Fundamental (3 º, 4 º e 5 º anos);
1º colocado
Categoria II - Ensino Fundamental (6ª, 7ª e 8ª séries);
1º colocado
Categoria III - Ensino Médio (1º, 2º e 3º anos ou supletivo);
1º colocado
Categoria IV: Comunidade em Geral.
1º colocado
Categoria V: Escola de Educação Especial (Produção textual ou desenho);
1º colocado

9. Prescrições Diversas:

A decisão do júri é soberana, não cabendo recurso em qualquer instância. As produções textuais inscritas e ou selecionados poderão ser utilizadas pela Comissão julgadora e organizadora do concurso, objetivando a divulgação dos trabalhos escolares executados, sem fins comerciais. Os coordenadores do concurso representarão, para todos os fins, os atos referentes ao desenvolvimento do concurso, exposição dos trabalhos, seleção, classificação final e premiação.
Poderão ocorrer alterações no decorrer do concurso, desde que haja concordância da maioria dos representantes da comissão e não acarretem prejuízos aos participantes.


Denner Lucas Casagrande
Diretor de Educação, Cultura e Esportes

Resultado - II Concurso de Poesia na Biblioteca (Condeixa-a-Nova, Portugal)

Poemas premiados:

1º prémio - Élieni Cristina da Silva, com Despedida

3º prémio exécuo - Conceição M. Coimbra, com Rumor

3º prémio exécuo - Eber Josué, com Hóspede


Demais poemas selecionados para publicação:

Biblioteca de Sérgio Bernardo
Feitura de Pseud: Como se fosse crónica
Separação de Sílabas de Felipe Cattapan
Poesia de João Alberto Roque
Viajante de Palavras de Ana Paula Mabrouk
Preciso Escrever de Cleonice Alves Lopes Flois
O Sol da Realidade de Elias Antunes
Versos de Dinis Muacho
Tudo é Poesia! de Solane Gonzaga Pena Passos
[Sobre os lábios] de Henrique Pontes ( Menção Especial do Júri)
Soneto: Saber (d)a Terra de Jéssica Neves
Religião de Thamires Lourenço
O Mundo Tornou-se Nu (Auscwitz II – Birkenau) de Luís Aguiar
Apocalipse de Edweine Loureiro
Por ti, Timor de Fernando Carreira Abreu
Cômodo Morto de Pseud: Pessoa di/ `Versos)
[Voas pelos Céus] de Pseud: Alfredo Rodrigues
A Pedro e Inês de Pseud: Manuel Nolasco
[Flor de Mulher] de Pseud: Augusto Salgueiro
5 Sentidos Cotejados de Guilherme Monteiro (Poema publicado extra concurso)
Confissões de António Baracat Habib Neto (Poema publicado extra concurso)


Leia os 3 poemas premiados:
http://www.cm-condeixa.pt/concursoPoesia/vencedores2012.html

22 de março de 2012

Projeto - Biblioteca Livre Pote de Mel

Apresentação:


A Biblioteca Livre Pote de Mel (Bibliopote) é uma biblioteca que funciona em uma panificadora em Curitiba
A Panificadora Pote de Mel abriga - sobre e dentro de duas geladeiras desativadas - livros que podem ser tomados emprestados por qualquer um, a qualquer momento. Não é preciso cadastro, carteirinha ou mesmo avisar um funcionário. Não há prazo de devolução ou qualquer tipo de cobrança nesse sentido. Você devolve o livro quando quer, assumindo o compromisso de que fará isso.

A Bibliopote foi uma iniciativa do blog Livros e Afins e apresenta as seguintes regras:

1. Leve este livro para onde quiser durante o tempo necessário;
2. Cuide dele. Depois de ler, devolva;
3. Este livro não deve pertencer a ninguém;
4. Se ele estiver em prateleira particular, leve-o, leia-o, passe-o adiante ou devolva à Biblioteca Pote de Mel;
5. Se quiser, doe um livro para a Biblioteca Pote de Mel.


Como colaborar:

Doações de livros, cartas ou mensagens para:

Rua Conselheiro Araújo, 168
Centro - Curitiba - Paraná - Brasil
Telefone 041 3262 0629
CEP: 80060-230

Email: alessandro@alessandromartins.com

30.04.2012 - 11º Prêmio Literário CIEE/CADE

Informações:
a) Concurso de Monografias
b) Tema: "Desafio da Análise Prévia em Atos de concentração"
c) Voltado a estudantes universitários de todo o Brasil

Premiação:
I) 1º: R$6.000,00 / 2º: R$4.000,00 / 3º: R$3.000,00
II) Medalhas e Diplomas

Prazo: 30 de Abril de 2012


Fonte:
http://www.ciee.org.br/portal/institucional/premio/cade/index_regulamento.asp


Organização:
Centro de Integração Empresa Escola (CIEE)
Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE)
http://www.empresas.ciee.org.br/portal/apoio/helpdesk_portal/submit2.asp


Regulamento:
Clique na imagem para ampliar

04.05.2012 - V Concurso Municipal de Poesias e Recital de Poesias 2012

Informações:
a) Concurso de poesias
b) Cinco categorias de participação (ver Artigo 3º)
c) Exclusivo para residentes em Campo Novo do Parecis/MT

Premiação:
I) Os autores das 3 melhores poesias em cada categoria receberão o troféu “Utyiahaliti”

Prazo: 4 de Maio de 2012


Fonte:
Regulamento recebido por e-mail.


Organização:
Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, através da Biblioteca Pública Municipal


Regulamento:
Capítulo I - Dos Objetivos
Artigo 1º - A Biblioteca Pública Municipal, espaço de estímulo à literatura, ligado ao Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, com apoio do Governo Municipal, promove o V Concurso Municipal de Poesias e o Recital de Poesias 2012, de temática livre, no período de 14 de março (Dia Nacional da Poesia) a 06 de junho de 2012.
Artigo 2º - O V Concurso Municipal de Poesias tem como objetivos:
I – Criar e consolidar hábitos de leitura e escrita, e valorizar a poesia como expressão literária;
II – Estimular e difundir as artes literárias no município;
III – Possibilitar aos poetas o mínimo necessário para que possam mostrar os seus trabalhos e ampliar suas experiências.
Capítulo II - Da Constituição

Artigo 3º - O V Concurso Municipal de Poesias será constituído de cinco categorias:
I – Estudantes do 1º ao 3º ano
II – Estudantes do 4º ao 6º ano;
III – Estudantes do 7º ao 9º ano;
IV – Estudantes do Ensino Médio;
V – Estudantes do EJA (Educação de Jovens e Adultos);
VI – Livre: comunidade em geral.
Capítulo III - Da Coordenação

Artigo 4º - A Coordenação do V Concurso Municipal de Poesias estará a cargo de uma Comissão Organizadora sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo que terá os seguintes encargos:
I – Receber as inscrições;
II – Divulgar o evento pela imprensa falada, escrita, televisionada e mídia digital.
III – Fornecer o resultado da classificação após o encerramento do concurso;
IV – Organizar o Recital de Poesias 2012, a ser realizado no dia 06 de junho deste, para a apresentação das poesias vencedoras.
Capítulo IV - Das Inscrições

Artigo 5º - Participarão do V Concurso Municipal de Poesias todos os estudantes e comunidade em geral de Campo Novo do Parecis que se inscreverem regularmente até o dia 04 de maio de 2012.
Parágrafo Único - Serão admitidos ao concurso somente trabalhos inéditos e não publicados.
Artigo 6º - Cada escola poderá se inscrever com até 05 (cinco) poesias em cada categoria.
Artigo 7º - Na Categoria Livre, cada poeta poderá se inscrever com uma única poesia.
Artigo 8º - No ato da inscrição deverão ser entregues duas cópias de cada poesia, sendo que em uma delas deverá constar os dados do poeta (incluindo a categoria) em um envelope lacrado, e na outra deverá constar apenas pseudônimo e a categoria na qual concorre.
Artigo 9º - Não serão aceitas inscrições após o prazo estipulado.
Capítulo V - Da Execução

Artigo 10º - O V Concurso Municipal de Poesias acontecerá no período de 14 de março a 06 de junho de 2012.
Artigo 11º - As poesias classificadas serão divulgadas até o dia 18 de maio, para que os poetas se preparem para as suas apresentações no Recital de Poesias.
Artigo 12º – As poesias classificadas deverão obrigatoriamente ser apresentadas no Recital de Poesias, sendo que o autor poderá convidar outra pessoa para recitá-la.
Parágrafo Único - No Recital de Poesias serão conhecidas as colocações em cada categoria.
Artigo 13º - As Menções Honrosas serão convidadas a se apresentar no Recital de Poesias 2012.
Capítulo VI - Da Avaliação e Premiação

Artigo 14º - A avaliação das poesias será feita por três convidados devidamente capacitados para esse fim, e serão indicados pela Comissão Organizadora do V Concurso Municipal de Poesias.
§ 1º - O V Concurso Municipal de Poesias premiará com troféu “Utyiahaliti” as 03 (três) melhores em cada categoria;
§ 2º - A critério dos Avaliadores, poderão ser entregues certificados de Menções Honrosas.
Artigo 15º - Os Avaliadores debaterão entre si e escolherão as melhores poesias em cada categoria.
Artigo 16º - A decisão de cada Avaliador é irrecorrível.
Capítulo VIII - Das Considerações Finais

Artigo 17º - A programação geral do Recital de Poesias 2012, constando a ordem das apresentações será feita e enviada após a divulgação das poesias selecionadas.
Artigo 18º - Os casos omissos neste regulamento serão analisados e resolvidos pela Comissão Organizadora do V Concurso Municipal de Poesias.

30.04.2012 - Seleção de Contos da Revista Encontro Literário

Informações:
a) Seleção de Contos
b) Categorias: Juvenil / Adulta
c) Publicação em Revista (3 contos de cada categoria)
d) Inscrições por E-mail

Premiação:
I) Livros

Prazo: 30 de Abril de 2012


Fonte:
Meio Tom - http://www.meiotom.art.br/conlite12encontro.htm


Organização:
Revista Encontro Literário
E-mail: revistaencontroliterario@yahoo.com.br


Regulamento:
A Revista Encontro Literário, inscrita no ISSN 2237-9401, tem como objetivo fomentar a produção literária, bem como estimular o prazer da leitura. Para isso, publicaremos dois editais: o do primeiro semestre será dedicado ao gênero Conto e o do segundo semestre ao gênero Poesia.

REGULAMENTO
Art. 1º – A Revista Encontro Literário, por meio deste edital, abre inscrições para publicação de Contos, com temática livre.
§ 1º – As inscrições são gratuitas.
§ 2º – Ao se inscreverem, todos os candidatos aceitarão automaticamente todas as cláusulas e condições estabelecidas no presente regulamento.
Art. 2º - Serão consideradas duas categorias, a saber: Categoria Juvenil (de 12 aos 17 anos) e Categoria Adulta (a partir de 18 anos)
Das inscrições
Art. 3º – O edital é aberto a todos os interessados, desde que o texto seja escrito em língua portuguesa.
Art. 3º – As inscrições serão realizadas através do e-mail revistaencontroliterario@yahoo.com.br no período de 5 de março a 30 de abril de 2012.
Parágrafo único – Não serão aceitos textos discriminatórios, pornográficos ou que façam apologia às drogas.
Art. 4º – Cada participante pode se inscrever com 1 (uma) produção literária. Os contos devem ser inéditos, ou seja, que ainda não tenham sido publicados em livros, jornais ou outros meios.
§ 1º – Os contos devem ser enviados em arquivo Word (preferencialmente versão 2003), para o e-mail revistaencontroliterario@yahoo.com.br, com pseudônimo e título.
§ 2º - Em arquivo separado da obra, devem ser enviadas as seguintes informações: título da obra, pseudônimo, nome completo, endereço completo, telefone de contato e e-mail, bem como uma mini-biografia.
§ 3º - No campo assunto, deve ser mencionada a categoria pertencente (juvenil ou adulta).
§ 4º - Os trabalhos devem ser digitados em editor de texto eletrônico Word (preferencialmente versão 2003), seguindo as seguintes configurações:
a) Fonte Arial ou Times Roman, tamanho 12;
b) Espaçamento entre linhas de 1,5 cm.
c) Cada conto não deve exceder o limite de 02 (duas) laudas.
Art. 5º – Serão selecionados 3 (três) contos em cada categoria, para publicação no site da Revista Encontro Literário, inscrito no endereço: http://www.revistaencontroliterario.blogspot.com
§ 1º – Ao enviar as produções literárias, o participante tem a plena consciência de que autoriza a Revista Encontro Literário a publicar suas obras sem nenhuma espécie de ônus para a Revista.

Premiação
Art. 1º - Os autores que tiverem seus contos selecionados para publicação, receberão como premiação:
a) Categoria Juvenil: 1 (um) exemplar da obra O Cão dos Baskervilles, de Sir Arthur Conan Doyle, 1 (um) exemplar da obra Contos que Machado de Assis e Jorge Luis Borges Elogiaram, de Raphael Reis e 1 (uma) Menção Honrosa.
b) Categoria Adulta: 1 (um) exemplar da obra A Dama do Cachorrinho, de Anton Tchekhov, 1 (um) exemplar da obra Contos que Machado de Assis e Jorge Luis Borges Elogiaram, de Raphael Reis e 1(uma) Menção Honrosa.
Da comissão julgadora
Art. 6º – A Comissão Julgadora é composta pelos editores e colaboradores da Revista.
Parágrafo único – A Comissão Julgadora terá autonomia no julgamento, isto é, a decisão da comissão é irrevogável.

Do resultado
Art. 7º – O resultado do Concurso será divulgado, em maio de 2012, no site da revista. A publicação das obras selecionadas acontecerá no mesmo mês.
Das disposições finais
Art. 8º – Os casos omissos serão decididos pelos Editores da Revista.

Juiz de Fora, 20 de fecereiro de 2012.
Editores
Aílton Augusto
Paulo Tostes
Raphael Reis

31.07.2012 - Prêmio Bunkyo de Literatura 2012

Informações:
a) Concurso de livros de poesia
b) Obras editadas nos anos de 2010 e 2011

Premiação:
I) Diploma de mérito

Prazo: 31 de Julho de 2012


Fonte:


Organização:
Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – Bunkyo - Rua São Joaquim, 381 – Liberdade – 01508-001 – São Paulo – SP. Telefone: (11) 3208-1755


Regulamento:
1. Serão objeto do “Prêmio Bunkyo de Literatura”, neste ano, obras de criação literária de Poesia (inclusive haikais), sendo o tema livre.
2. A inscrição se fará por meio desta Ficha de Inscrição, devidamente preenchida e assinada.
3. A Ficha de Inscrição deverá ser encaminhada à Secretaria desta entidade, juntamente com 5 (cinco) exemplares do livro, até o dia 31 de julho de 2012.
4. Não serão aceitas antologias poéticas de múltiplos autores.
5. A publicação do livro deve ser recente (nos anos de 2010 e 2011).
6. A inscrição é isenta de qualquer taxa.
7. A Comissão de Atividades Literárias – Seção de Língua Portuguesa (CAL-P) poderá premiar uma ou mais obras, ou deixar de eleger qualquer obra, justificando a decisão.
8. O prêmio consistirá em um diploma de mérito, a ser entregue em solenidade a realizar-se no mês de novembro de 2012, na sede desta entidade.
9. As dúvidas e os casos omissos serão resolvidos pela CAL-P.
10. Das decisões tomadas pela CAL-P não cabe recurso.
11. Os avisos relativos aos trabalhos de premiação serão enviados ao endereço postal ou eletrônico indicado pelo solicitante.

Endereçamento:
À Comissão de Atividades Literárias – Seção de Língua Portuguesa (CAL-P)
Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e de Assistência Social – Bunkyo
Rua São Joaquim, 381 – Liberdade – 01508-001 – São Paulo – SP
Informações: (11) 3208-1755

Ficha de inscrição:

15.04.2012 - 46º Concurso Anual Literário de Caxias do Sul

Informações:
a) Concurso de Livros Inéditos e de Contos, Crônicas e Poesias
b) Na categoria obras literárias podem concorrer os residentes nos municípios da Encosta Superior do Nordeste do RS
c) Nas demais categorias só podem concorrer os residentes em Caxias do Sul

Premiação:
I) Em obras literárias: troféu e a publicação do livro, cabendo ao autor 200 exemplares
II) Em contos, crônicas e poesias: 3 salários-mínimos nacionais vigentes, troféu e publicação dos trabalhos em antologia, cabendo a cada autor 50 livros

Prazo: 15 de Abril de 2012


Fonte e Regulamento completo:
http://www.caxias.rs.gov.br/cultura/texto.php?codigo=517#!prettyPhoto[gallery1]/2/


Organização:
Secretaria Municipal da Cultura de Caxias do Sul
Biblioteca Pública Municipal Dr. Demetrio Niederauer
Telefones: (54) 3214 5937 / (54) 3221 1115


Resumo do Regulamento:
A Secretaria Municipal da Cultura, por meio da Biblioteca Pública Municipal Dr. Demetrio Niederauer, está promovendo o 46º Concurso Anual Literário de Caxias do Sul.
As inscrições estão abertas de 15 de março a 15 de abril de 2012, na Biblioteca Pública Municipal, no quarto andar, na rua Dr. Montaury, 1333, de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h e nos sábados, das 8h às 12h.
Os interessados poderão se inscrever simultaneamente nos três gêneros e também em obra literária, devendo realizar inscrições diferentes para cada modalidade e gênero, utilizando pseudônimos diferentes.
Os vencedores em primeiro lugar do ano de 2011 não poderão concorrer em 2012 na mesma categoria em que foram vencedores. Os trabalhos inscritos deverão ser inéditos, não podendo ter sido publicados em livro, jornal, revista ou outro meio de divulgação.
No caso da Obra Literária a premiação será um troféu e publicação da obra, cabendo ao autor duzentos exemplares da mesma. Poderão participar maiores de dezesseis anos residentes nos municípios da Encosta Superior do Nordeste do Rio Grande do Sul.
Nos gêneros Contos, Crônicas e Poesias a premiação será um troféu, publicação dos trabalhos em antologia com os demais premiados, cabendo a cada autor, cinquenta exemplares e prêmio monetário de três salários mínimos nacionais vigente. Neste caso poderão participar apenas escritores residentes em Caxias do Sul. Se for outorgado Menção Honrosa, o contemplado receberá um diploma.
A seleção e premiação dos trabalhos será realizada por uma Comissão Examinadora capacitada, que estabelecerá os critérios para avaliação dos trabalhos.

Ficha de inscrição:
http://www.caxias.rs.gov.br/_uploads/cultura/con_literatio_inscricao_2012.pdf 

21 de março de 2012

27.04.2012 - 8º Concurso Literário de Suzano - Cora Coralina

Informações:
a) Concurso de Contos e Poesias
b) Categorias: Regional e Nacional

Premiação:
I) R$900,00 para 1º lugar Regional e R$900,00 para o 1º lugar Nacional em cada gênero
II) Publicação de dez obras de cada categoria na revista "Trajetórias Literárias"

Prazo: 27 de Abril de 2012


Fonte:
http://bit.ly/regulamento-suzano


Organização:
Prefeitura Municipal de Suzano - SP
Secretaria Municipal de Cultura / Associação Cultural Literatura no Brasil
Telefone: (11) 7348-0400
E-mail: cultura@suzano.sp.gov.br


Regulamento:
Participação

1- Aberto de 20 de março a 27 de abril de 2012 a todos os residentes do território nacional. O tema é livre e os trabalhos deverão ser inéditos em qualquer meio (impresso ou virtual) e redigidos em Língua Portuguesa.
Não há limite de idade. Menores de 18 anos deverão trazer ou enviar autorização assinada pelos pais ou responsável.

Inscrições e envios

2- A inscrição é gratuita. Serão aceitos até 2 textos por inscrito, sendo que o participante poderá efetuar a inscrição em apenas uma categoria do concurso. Não é obrigatório inscrever 2 textos.

3- O limite de páginas para a categoria Conto não deve ser superior a 4 (quatro) e para a categoria Poesia não deve ser superior a 2 (duas). Nas duas categorias, a apresentação dos trabalhos deverá ser feita em 4 (quatro) vias, em folha sulfite A4, numerada, digitado em uma só face do papel, em fonte Times New Roman, letra 12 (doze) e espaçamento 1,5. Em cada trabalho deve constar o pseudônimo do autor que virá logo abaixo do título.
Os textos que tiverem mais de uma página deverão ser grampeados.

4- Os trabalhos terão de ser acondicionados em um envelope grande padrão, (tamanho aproximado 33x23), tendo dentro desse um outro envelope menor e lacrado, (tamanho aproximado 25x19), contendo a ficha de inscrição com os dados do participante: nome e endereço completos (inclusive CEP), bem como o número telefônico para contato, celular e e-mail, pseudônimo adotado, título dos trabalhos, breve currículo literário e pessoal (máximo 5 linhas), além de um comprovante bancário com o número da conta corrente ou poupança.

5- O modelo da ficha de inscrição está disponível para download nos sites: http://www.suzano.sp.gov.br/agendacultural
http://bit.ly/fichadeinscricao-suzano

Os trabalhos deverão ser acompanhados de um CD que contenha os textos, o breve currículo literário e pessoal digitados, além de uma foto em boa resolução que privilegie o rosto.

6- Na parte externa do envelope menor lacrado, apenas o pseudônimo e os títulos dos trabalhos. Na parte externa do envelope maior, campo remetente, usar o pseudônimo adotado. E o nome 8º Concurso Literário de Suzano - Edição Cora Coralina no campo destinatário. Especificar na parte externa dos dois envelopes a categoria que está participando e o âmbito: Regional ou Nacional.
Regional refere-se aos residentes nos municípios do Alto Tietê: Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis, Santa Isabel e Suzano. E Nacional refere-se aos residentes no Brasil fora dos municípios incluídos no âmbito regional.

7- Os trabalhos deverão ser entregues no horário das 9h às 17h, no Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi, ou enviados pelo correio:

8º Concurso Literário de Suzano – Edição Cora Coralina
Centro de Educação e Cultura Francisco Carlos Moriconi
Rua Benjamin Constant, 682 – Centro - Suzano – SP
CEP: 08674-010

8- Apenas serão aceitos os trabalhos entregues até o dia 27 de abril do ano de 2012. Os trabalhos enviados após esta data ou que não tiverem de acordo com o regulamento, não serão considerados participantes e como os demais, não serão devolvidos. Para os trabalhos enviados pelo correio valerá a data de postagem.
A Prefeitura de Suzano não se responsabiliza por possíveis extravios que possam ocorrer com os trabalhos enviados pelo correio.

Direitos autorais

9- Os participantes deste concurso concordam automaticamente em ceder os direitos para eventual uso das obras pela Prefeitura de Suzano, no período de 3 (três) anos.
Será preservada a menção de crédito, de acordo com a legislação que trata, especificamente de direitos autorais no país.

Comissão julgadora

10- O julgamento dos trabalhos será da inteira competência de uma comissão julgadora, formada por escritores e professores com conhecimentos literários que os tornam amplamente aptos a julgar e classificar os textos. A decisão dos jurados é irrecorrível.

Critérios de avaliação:
a) Criatividade
b) Literariedade

Resultado

11- O resultado deste concurso será divulgado a todos os participantes no sarau “Pavio da Cultura” – Sessão Solene, dia 9 de junho de 2012, no Centro de Educação e Cultura “Francisco Carlos Moriconi”, Rua Benjamin Constant, 682, Centro, Suzano, SP. O resultado somente estará disponível para consulta na internet a partir do dia 12 de junho.

SÓ SERÃO DIVULGADOS OS DEZ PRIMEIROS GANHADORES DE CADA CATEGORIA.

Premiação

12- A premiação, válida para as duas categorias deste concurso, será:

1º Lugar regional conto: R$ 900,00 (novecentos reais)
1º Lugar regional poesia: R$ 900,00 (novecentos reais)
1º Lugar nacional conto: R$ 900,00 (novecentos reais)
1º Lugar nacional poesia: R$ 900,00 (novecentos reais)

13- Os 10 (dez) primeiros classificados de cada categoria participarão da tradicional revista “Trajetória Literária” de nº 8 que será lançada no dia 8 de setembro de 2012. Essa publicação é ilustrada e não se restringe apenas ao círculo dos autores. Ela é doada a centenas de bibliotecas por todo o Brasil e para departamentos de cultura dos países de Língua Portuguesa.

14- Cada um dos 10 classificados em cada categoria receberá 20 exemplares da revista.

15- Os casos não previstos neste regulamento serão resolvidos pela comissão organizadora deste concurso.

16- O ato da inscrição neste concurso implica na aceitação plena dos termos acima.

OBS: NÃO DEIXE PARA FAZER SUA INSCRIÇÃO NOS ÚLTIMOS DIAS!

Cronograma do concurso:

- Inscrições: de 20 de março à 27 de abril (através de entrega no local das inscrições ou pelo correio)
- Resultado: 9 de junho (Centro de Educação e Cultura “Francisco Carlos Moriconi”)
- Resultado na internet: 12 de junho (Site da Prefeitura de Suzano e no blog da Associação Cultural Literatura no Brasil)
- Lançamento da revista “Trajetória Literária” n° 8: 8 de setembro

Informações específicas:
(11) 7348-0400

Informações gerais:
cultura@suzano.sp.gov.br